Estado de SP reduz intervalo entre doses da AstraZeneca para 8 semanas

Medida valerá em todo estado e beneficiará pessoas com idades entre 18 e 24 anos; prazo anterior era de 12 semanas

atualizado 26/10/2021 22:00

Vacina Grávida desenvolve trombose após tomar vacina AstraZenecaRafaela Felicciano/Metrópoles

São Paulo – O estado de São Paulo reduziu de 12 para oito semanas o intervalo para aplicação da segunda dose da vacina da AstraZeneca contra a Covid-19.

A decisão, que já havia sido determinada pelo Ministério da Saúde no último dia 15, não tinha sido adotada pelo governo de João Doria. Na época, o tucano alegou que não tinha estoque de doses para se adequar ao novo prazo.

A medida só foi anunciada nesta terça-feira (26/10), após nova distribuição de remessas do imunizante, e entra em vigor na quarta (27/10).

De acordo com a Secretaria de Saúde do estado, cerca de 400 mil pessoas com idades entre 18 e 24 anos serão beneficiadas.

“Esta é mais uma medida para que a população complete o seu ciclo vacinal e esteja completamente imunizada”, diz a coordenadora do Plano Estadual de Imunização, Regiane de Paula, em nota. 

Ela reforça que é fundamental que todos que estiverem com a segunda dose pendente compareçam aos postos para se vacinar.

No estado, são cerca de 4 milhões de atrasados, sendo 1 milhão que tomaram a primeira dose de AstraZeneca.

 

Mais lidas
Últimas notícias