Em 2º turno no DF, Bolsonaro teria 42,5% das intenções de voto, e Lula, 39,9%, mostra Metrópoles/Ideia

Levantamento aponta que disputa entre Bolsonaro e Lula em um eventual segundo turno seria acirrada entre os eleitores da capital

atualizado 23/06/2022 17:54

Montagem de duas fotos de homens se olhandoArte/Metrópoles

Se o segundo turno das eleições para a Presidência da República fosse hoje, Jair Bolsonaro (PL) teria 42,5% dos votos no Distrito Federal, de acordo com a pesquisa exclusiva Metrópoles/Ideia divulgada nesta quinta-feira (23/6). Lula (PT) chegaria a 39,9% das intenções de voto na capital do país.

Como a margem de erro é de 3 pontos percentuais, Bolsonaro e Lula estão tecnicamente empatados nesse levantamento de eventual duelo entre os presidenciáveis.

Em comparação com a primeira pesquisa Metrópoles/Ideia, tanto Bolsonaro quanto Lula apresentaram crescimento. O atual chefe do Executivo passou de 40,3% para 42,5%; enquanto isso, o petista tinha 38,2% e, agora, detém 38,9% das intenções de voto.

Em contrapartida, caiu o percentual de eleitores que disseram não saber em quem votar (de 11% a 7,3%) e de pessoas que optam por voto branco ou nulo (de 10,6% a 10,3%).

Veja o resultado: 

Imagem colorida de gráfico
Pesquisa estimulada sobre intenção de voto para segundo turno
Primeiro turno

O levantamento também perguntou aos eleitores brasilienses em quem votariam para presidente, no primeiro turno, entre uma lista de nomes dos políticos que já apresentaram pré-candidatura. Nesse contexto, 39,1% do eleitorado da capital da República disse que escolheria Bolsonaro, enquanto 34% preferem Lula.

Bolsonaro e Lula cresceram na pesquisa eleitoral, no período de um mês. No primeiro levantamento Metrópoles/Ideia, de 18 de maio de 2022, o atual mandatário foi indicado por 36% dos eleitores, enquanto o petista tinha a preferência de 29,2%.

Ciro Gomes (PDT) aparece em terceiro lugar, apontado por 9,1% do eleitorado brasiliense. Simone Tebet (MDB) tem 2% das intenções de voto, e André Janones (Avante), 1,1%.

Sofia Manzano (PCB), Vera Lúcia (PSTU), José Maria Eymael (DC), Pablo Marçal (Pros), Luiz Felipe D’Ávila (Novo), Leonardo Péricles (UP) e Luciano Bivar (União Brasil) pontuaram com menos de 1%.

Veja o resultado:

Imagem colorida de gráfico de pesquisa eleitoral
Pesquisa de intenção de voto no DF para presidente da República

Esse é o resultado da pesquisa estimulada – em que os entrevistados escolheram entre os nomes apresentados em uma lista contendo aqueles que já manifestaram interesse em disputar as eleições para a Presidência da República.

O levantamento Metrópoles/Ideia também aponta como fica o cenário eleitoral quando os eleitores indicam, de forma espontânea, em quem votariam.

Confira o resultado:

Imagem colorida de gráfico de pesquisa eleitoral
Pesquisa eleitoral de intenção de voto espontânea no DF para presidente da República

Eleições 2022: quem são os pré-candidatos à Presidência da República

0

Metodologia

A pesquisa quantitativa foi realizada com aplicação de questionário estruturado, por meio de inquérito telefônico, com plano amostral e ponderação quanto a sexo, idade, grau de instrução e nível econômico do entrevistado.

As consultas estão registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sob os números BR-04114/2022 e DF-09593/2022. Foram entrevistadas 1,2 mil pessoas na faixa etária de 16 anos ou mais, com Título de Eleitor, em todas as regiões administrativas do Distrito Federal, entre os dias 11 e 16 de maio de 2022.

A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%.

Mais lidas
Últimas notícias