Eleições 2022: Wellington Dias é eleito senador no Piauí (PI)

Candidato de Lula leva cadeira do tucano Elmano Férrer, que decidiu não disputar a reeleição

atualizado 02/10/2022 21:55

Wellington Dias Michael Melo/Metrópoles

Welligton Dias (PT) foi eleito senador da República pelo Piauí. O ex-governador do estado levou a vaga de Elmano Férrer (PSDB), que decidiu não disputar a reeleição. Dias assumirá o cargo em 1° de janeiro. O mandato será de oito anos, de 2023 a 2031.

A disputa foi marcada pela presença do ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira. Com o poder que tem no estado, Ciro atacou a gestão de Wellington Dias, mas não conseguiu implacar seu candidato, Joel Rodrigues (PP).

Eleição 2022

Realizada em todo o país neste dia 2 de outubro, o pleito define os cargos de presidente e, em cada estado, governador, senador, deputado federal e estadual (no DF, distrital).

No caso dos representantes do Poder Executivo – senadores, governadores e presidente da República –, o sistema é majoritário, ou seja, vence o candidato que obtiver o maior número de votos válidos, podendo ser de forma absoluta ou simples.

A forma absoluta ocorre quando o candidato recebe mais de 50% dos votos válidos. Quando nenhum dos candidatos alcança a maioria, é realizado um segundo turno.

Na modalidade simples ou relativa, o candidato que obtiver maior número de votos em relação aos seus concorrentes é eleito. Isto ocorre especialmente com senadores.

Na disputa para deputados federais e estaduais, o que vale é o sistema proporcional, que computa os votos para o partido ou legenda, sendo assim, os eleitores escolhem de forma indireta seus candidatos. 

Mais lidas
Últimas notícias