Imposto de Renda 2020: 1 milhão de pessoas já estão na malha fina

Os principais motivos para caírem no Fisco foram a omissão de rendimentos e o conjunto de deduções

atualizado 01/07/2020 10:20

Pelo menos 1 milhão de declarações do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) deste ano foram retidas na malha fina pela Receita Federal.

Os números foram divulgados no início da noite dessa terça-feira (30/06), horas antes do encerramento do prazo para entregar a declaração.

O principal motivo para caírem na malha fina, segundo o secretário especial do Fisco, José Barroso Tostes Neto, foi a omissão de rendimentos.

“Os contribuintes informaram em suas declarações valores com rendimentos menores daqueles com que a Receita Federal recebeu”, explicou.

Um outro problema apresentado pelos contribuintes, segundo a Receita, foi o conjunto de deduções, sobretudo as referente às despesas médicas.

“São deduções que não têm limite e, por não terem limites, existem informações em valores muito elevados que precisam ser comprovados”, disse Neto.

Quem cair na malha fina pode, logo após o processamento das declarações, acessar o extrato da declaração, verificar as razões da detenção e corrigir possíveis erros ou equívocos.

0

Últimas notícias