FGTS: Caixa inicia pagamento do saque-aniversário a nascidos em agosto

Ao todo, mais de 220 mil trabalhadores em todo o país receberão cerca de R$ 320 milhões em recursos a partir desta segunda-feira

atualizado 03/08/2020 8:17

Caixa Econômica Federal - CEFFLÁVIO TAVARES/HOJE EM DIA/ESTADÃO CONTEÚDO

A Caixa Econômica Federal inicia nesta segunda-feira (3/8) o pagamento do saque-aniversário para mais de 220 mil trabalhadores nascidos em agosto que optaram por essa nova modalidade de disponibilização do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Criado no ano passado, o saque-aniversário permite a retirada de parte do saldo da conta do FGTS, anualmente, no mês de aniversário. A modalidade tem regras diferentes do saque-rescisão.

Ao todo, esses trabalhadores receberão mais de R$ 320 milhões em recursos. Para a pessoa receber no ano corrente, é necessário registrar a opção pela sistemática do saque-aniversário até o último dia do mês de seu nascimento.

Ao registrar a opção pela sistemática do saque-aniversário, o trabalhador escolhe a data de recebimento do valor, que pode ser o primeiro ou o décimo dia do mês do seu aniversário – neste último caso, após o crédito de juros e atualização monetária.

“Nas situações em que a data informada não for dia útil, o crédito ocorrerá no dia útil subsequente”, esclareceu a Caixa Econômica Federal, em nota. O crédito será feito pela estatal gratuitamente, sem cobrança de tarifa.

Os trabalhadores nascidos em agosto que registraram a opção pelo saque-aniversário até o último dia do mês e ainda não indicaram uma conta bancária, podem acessar o app FGTS e cadastrar uma conta de sua titularidade em qualquer banco para receber o crédito.

“O crédito na conta indicada será feito em até 5 dias úteis após esse cadastramento, sem nenhum custo para o trabalhador e sem necessidade de deslocamento até uma agência”, prosseguiu a Caixa.

Os valores ficam disponíveis para saque até o último dia útil do segundo mês subsequente ao da aquisição do direito ao saque. Assim, se a data de aniversário for 10 de setembro, o trabalhador terá entre 1 e 30 de setembro a 30 de novembro para efetuar o saque.

Logo, os valores não sacados até o dia 31 de outubro pelos trabalhadores nascidos em agosto serão devolvidos para as contas vinculadas do FGTS devidamente corrigidos pelas mesmas regras do Fundo, sem ônus para o trabalhador.

0

 

Últimas notícias