Após exoneração de Cintra, José Tostes é o novo secretário da Receita

Líder em Gestão Fiscal e Municipal do Banco Interamericano de Desenvolvimento, o auditor foi escolhido pelo ministro Paulo Guedes

Pedro França/Agência SenadoPedro França/Agência Senado

atualizado 20/09/2019 14:32

O substituto do ex-secretário da Receita Federal Marcos Cintra foi escolhido pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, nesta quinta-feira (20/09/2019). O auditor fiscal José Barroso Tostes Neto ocupará a cadeira que ficou vaga após o presidente Jair Bolsonaro (PSL) exonerar Cintra.

Segundo o mandatário do país, o ex-secretário foi demitido por insistir na adoção de novo imposto, nos moldes da extinta Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF). Mesmo após a exoneração, Cintra segue insistindo na ideia.

Novo secretário
Tostes é líder em Gestão Fiscal e Municipal do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), desde 2015. Ele é formado em administração de empresas pela Universidade da Amazônia e em engenharia mecânica pela Universidade Federal do Pará.

Na Receita Federal, começou a trabalhar como auditor fiscal em 1982 e permaneceu no cargo por 28 anos. Em 2011, tornou-se secretário de Fazenda do Pará e presidente do Conselho de Administração do Banco do Estado do Pará (Banpará).

No ano passado, Tostes concorreu à lista tríplice para o cargo de secretário da Receita Federal em eleição promovida pelo Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindifisco). Tostes não ficou entre os três da lista, que é entregue ao governo como sugestão.

Últimas notícias