Doria diz que relação com a prefeitura de SP é harmoniosa

"Não há qualquer tipo de desavenças", disse o governador após impasse sobre falta de vacinas na capital

atualizado 23/06/2021 13:33

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e o presidente do Instituto Butantan, Dimas CovasFábio Vieira/Metrópoles

São Paulo – O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quarta-feira (23/6) que a relação com entre o governo e a Prefeitura de São Paulo é harmoniosa. “Não há qualquer tipo de desavenças”, disse o governador em coletiva de imprensa.

No dia anterior, o secretário estadual de saúde, Jean Gorinchteyn, acusou a prefeitura de ter demorado para avisar sobre a falta de vacinas que levou à paralisação da imunização por um dia. O prefeito Ricardo Nunes (MDB) rebateu. Disse que avisou o Palácio dos Bandeirantes sobre o problema no sábado.

Nunes, que foi posicionado de forma estratégica ao lado de Gorinchteyn na coletiva de imprensa, reiterou a fala de Doria e negou haver qualquer rusga com o governo estadual. “Estamos unidos para servir a população”, disse.

Doria afirmou que esteve em reunião com a prefeitura para determinar a atualização do calendário da vacinação na capital. A administração municipal não informou as datas para pessoas com menos de 48 anos, grupo previsto para receber as doses nesta quarta-feira.

Mais lidas
Últimas notícias