Covid: adolescentes devem ser vacinados após 1ª dose de adultos em GO

Secretaria de Estado da Saúde estima que a população com mais de 18 anos esteja imunizada até o mês de setembro

atualizado 30/07/2021 8:43

Vacina contra a Covid-19Arthur Menescal/Especial Metrópoles

Goiânia – Em Goiás, a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos deve ocorrer após a imunização da população adulta com, pelo menos, uma dose da vacina. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), a expectativa é que a população goiana com mais de 18 anos seja imunizada até o próximo mês de setembro.

Em anúncio feito pelo ministro Marcelo Queiroga, nesta semana, a inclusão do grupo de 12 a 17 anos no Plano Nacional de Imunização (PNI) contra a Covid-19 será iniciada após envio da primeira dose para a vacinação de adultos com mais de 18 anos. Adolescentes com comorbidades serão os primeiros a serem imunizados.

Por meio de nota, a SES-GO informou que o Estado deve continuar seguindo as definições do Programa Nacional de Operacionalização da Vacinação, do Ministério da Saúde. “Dessa forma, aguarda as orientações técnicas da pasta.”

Já na capital goiana, a Secretaria de Saúde (SMS) informou, também por nota, que segue o mesmo planejamento emitido pelo Estado. Ainda segundo o comunicado tripartite divulgado na última terça-feira (27/7), após a distribuição da primeira dose para toda a população adulta (com 18 anos ou mais), será analisada a redução do intervalo entre a primeira e a segunda doses, baseada, sempre, nas evidências científicas trazidas nas discussões da Câmara Técnica Assessora de Imunizações.

Mais doses

Na quarta-feira (28/7), Goiás recebeu dois novos lotes de vacina contra Covid-19, com total de 231.660 imunizantes. O primeiro carregamento desembarcou logo pela manhã, no Aeroporto Internacional de Goiânia, com 159.120 doses da AstraZeneca, produzidas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). À tarde, chegaram 72.540 vacinas da Comirnaty, do laboratório Pfizer. Com as unidades encaminhadas pelo Ministério da Saúde na terça-feira (27/7), Goiás completa 386.460 doses recebidas esta semana.

Do aeroporto de Goiânia, a carga foi encaminhada para a Central Estadual de Rede de Frio, no Jardim Santo Antônio, para contagem e redistribuição para os municípios goianos. As vacinas da AstraZeneca serão usadas exclusivamente para aplicação da dose de reforço. Já os imunizantes do laboratório Pfizer serão destinados à primeira e segunda doses.

Últimas notícias