Coronavírus: Doria decreta quarentena a partir de terça em SP

De acordo com o governador, todo comércio e serviço que não for essencial à população deverá fechar

Leo Franco / AgNews

atualizado 21/03/2020 13:30

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anuncia neste sábado (21/03) novas medidas para conter o avanço do coronavírusEntre elas está a quarentena em todo o estado.

A medida começa a valer nesta terça-feira (24/03), vai durar até 7 de abril e vale para todos os os 645 municípios do estado. De acordo com Doria, todo o comércio e serviço que não for essencial à população deverá fechar. 

Poderão funcionar em caráter de excepcionalidade: hospitais, clínicas, farmácias e clínicas odontológicas, supermercados, hipermercados, padarias e açougues, além de callcenter, bancas de jornais, lojas de pet shop e serviços de transportes.

Os restaurantes e bares poderão funcionar só com delivery.

Estão excluídos do decreto, com permissão para funcionamento:

  • Saúde: farmácias, hospitais, farmácias e clínicas odontológicas;
  • Alimentação: supermercados, hipermercados e padarias;
  • Abastecimento: transportadoras, armazéns, postos de gasolina, transporte público, táxis, aplicatibvos de transporte, oficinas, lojas de pet shop e bancas de jornais;
  • Segurança: todos os sistemas de segurança pública e privada continuam funcionando, com suspensão de férias e licenças;
  • Limpeza: empresas de limpeza e manutenção, públicas e privadas, também continuam funcionando;
  • Bancos: serviços bancários, incluindo lotéricas, também continuando funcionando normalmente.
Últimas notícias