Comandante do Exército diz que Forças Armadas estão prontas para “cumprir missão”

Cerimônia contou com a presença de Jair Bolsonaro, Mourão e outras autoridades, mas nenhum representante do Judiciário

atualizado 25/08/2021 14:30

Cerimônia de comemoração do dia do soldado no Quartel General do Exército agenda bolsonaro militares 5Rafaela Felicciano/Metrópoles

Em cerimônia de comemoração ao Dia do Soldado, nesta quarta-feira (25/8), em Brasília, o comandante do Exército, general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, afirmou, ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que as Forças Armadas estão prontas para “cumprir sua missão”.

“Sob a autoridade do presidente da República, comandante supremo das Forças Armadas, e integrado à direção superior do ministro da Defesa, o Exército Brasileiro não para em circunstância alguma e, irmanado com a Marinha do Brasil e a Força Aérea Brasileira, mantém-se sempre pronto para cumprir sua missão, delegada pelos brasileiros na Carta Magna”, declarou.

“A defesa da pátria e a garantia dos poderes constitucionais, da lei e da ordem são, portanto, o farol que orienta o contínuo preparo e o emprego da força terrestre”, disse.

O comandante ainda ressaltou que está comprometido com a estabilidade e com a tranquilidade. “O momento desta justa homenagem aos soldados, que muito contribuíram e contribuem para a unidade e a grandeza do Brasil, nos motiva a reafirmar o compromisso com os valores mais nobres da pátria e com a sociedade brasileira em seus anseios de tranquilidade, estabilidade e desenvolvimento”, afirmou.

0

Além de Bolsonaro, a cerimônia contou com a presença do vice-presidente, Hamilton Mourão (PRTB); do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL); e do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG). Nenhuma autoridade do Judiciário estava presente.

Receberam medalhas, durante o evento, o procurador-geral da República, Augusto Aras; os ministros da Economia, Paulo Guedes; da Saúde, Marcelo Queiroga; de Minas e Energia, Bento Albuquerque; e da Agricultura, Tereza Cristina e parlamentares, além de militares e civis. Também houve um desfile militar para a apresentação das tropas ao presidente da República.

Mais lidas
Últimas notícias