Com tornozeleira, Flordelis diz em live: “A volta por cima vai chegar”

No vídeo, a deputada citou passagens bíblicas, cantou, pediu apoio e falou do marido, Anderson do Carmo, do qual é acusada de assassinar

atualizado 09/10/2020 14:24

Deputada Flordelis grava live depois de colocar a tornozeleira eletrônicaInstagram/Reprodução

Após colocar tornozeleira eletrônica, a deputada federal Flordelis (PSD-RJ) realizou uma transmissão ao vivo nas redes sociais. No vídeo, ela citou passagens bíblicas, cantou, pediu apoio e falou do marido, pastor Anderson do Carmo, do qual é acusada de assassinar em junho de 2019.

A parlamentar se apresentou, na quinta-feira (8/10), à Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), no Rio de Janeiro para que o equipamento fosse instalado nela.

“A volta por cima vai chegar. Só queria dar uma satisfação a vocês. Continue me apoiando, quem está apoiando. Continue orando por mim, que está orando. Já já Deus vai mudar o quadro e a situação, Deus vai coloca o que está fora do lugar, no lugar. Meu Deus é grande. Não tem legião do inferno que prevaleça sobre o poderio desse Deus. Na hora que ele mandar satanás recuar, ele vai recuar de uma vez por todas”, disse Flordelis, em vídeo de 29 minutos publicado no Instagram.

Veja:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Flordelis ⚜️ (@flordeliscantora) em

As imagens foram registradas na casa da deputada, em Niterói. Em alguns momentos, é possível ouvir vozes e aplausos de outras pessoas, além de alguém tocando violão ao fundo.

“A minha alma está em aflição. Vontade de chorar não falta, mas quero transformar meu choro em adoração. É adorando que eu vou vencer esse mar de aflição”, afirmou a deputada. Na live, Flordelis lembrou ainda que o marido costumava cantar determinado louvor durante a pregação.

Flordelis foi intimada, na noite de terça-feira (6/10), às 19h – fora do horário do expediente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) – e tinha 48 horas para colocar o equipamento. Ela também terá de cumprir recolhimento noturno.

0

Quebra de decoro

Além disso, Flordelis é alvo de um processo de quebra de decoro parlamentar, que pode culminar na perda do seu mandato como deputada federal. O corregedor da Câmara, deputado Paulo Bengtson (PTB-AP), entregou o parecer recomendando à continuidade do processo contra ela.

Agora, cabe a Mesa Diretora da Casa encaminhar ou não o relatório ao Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, que ainda não foi instalada. A representação foi apresentada pelo deputado Léo Motta (PSL-MG).

Últimas notícias