RJ: cinco pessoas desaparecem após serem rendidas em carro de app

Quatro amigos estavam em carro de aplicativo a caminho de shopping em Nova Iguaçu, quando foram rendidos. Motorista também desapareceu

atualizado 14/08/2022 15:59

Polícia Civil Rio de JaneiroDivulgação

Rio de Janeiro – Cinco pessoas estão desaparecidas desde a tarde da última sexta-feira (12/8), em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense do Rio. Quatro amigos que estavam a caminho do shopping foram rendidos junto com o motorista de aplicativo. Desde então, as famílias não tiveram mais notícias.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

Os desaparecidos são:

  • Matheus Costa da Silva, 21
  • Douglas de Paula Pampolha dos Santos, 22
  • Adriel Andrade Bastos, 24
  • Jhonatan Alef Gomes Francisco, 28
  • Um motorista de aplicativo, cujo nome ainda não foi revelado

O carro estava no bairro Valverde e seguia em direção à Vila Canaã. O grupo foi rendido por homens armados e encapuzados.

“Fecharam o carro do motorista, um na frente e um atrás. Aí mandaram todos descerem, inclusive o motorista. Todo mundo desceu. Mandaram o meu filho e os outros amigos dele deitarem no chão, amarraram as mãos dele pra trás, do meu filho e dos meninos, inclusive do motorista. A gente não tem informação do aplicativo de transporte, não tem informação do meu filho, não tem informação de ninguém”, disse a mãe de um dos jovens, que preferiu não se identificar, em entrevista ao G1.

A família soube da dinâmica após testemunhas relatarem a ação. O nome do motorista de aplicativo, que também foi levado pelos criminosos, ainda não foi divulgado. A Polícia Civil investiga o caso.

Familiares de um dos desaparecidos alegam que tentaram registrar ocorrência na delegacia de Comendador Soares, mas, segundo eles, foram orientados a procurar pelos jovens por conta própria.

“A mãe de um dos meninos também chegou a ir na 56ª DP. Ela falou sobre uma possível localização de celular, de GPS. Simplesmente falaram para ela na delegacia para ela poder ir aonde estava essa localização e procurar, ou seja, descaso total com os meninos, com o motorista de aplicativo. E a gente está indignado, preocupado, não sabe o que fazer”, relata outra mãe.

Parentes divulgaram as fotos dos rapazes nas redes sociais e estão sem entender o motivo do desaparecimento: “Nós somos mães e estamos desesperadas sem saber notícias, sem saber o que aconteceu”, diz.

 

Mais lidas
Últimas notícias