Caso Flordelis: pastor Anderson levou mais dois tiros após cair no chão

A investigação mostrou que o filho biológico da deputada atirou em Anderson de longe, mas depois o acertou de perto

atualizado 24/06/2020 13:16

FlordelisReprodução

O laudo da reconstituição da morte do pastor Anderson do Carmo, ex-marido da deputada federal Flordelis, apontou que ele levou mais dois tiros depois de cair no chão baleado. As informações são do jornal Extra.

Anderson foi morto com mais de 30 tiros, na garagem da casa onde morava com a família, em junho de 2019, e há divergências nas versões contadas nos depoimentos da família do pastor.

A investigação mostrou fortes indícios que o filho biológico da deputada e principal suspeito dos disparos, Flávio dos Santos, atirou em Anderson de longe, mas depois que o pastor já estava ferido, ele teria acertado mais de perto por mais duas vezes. Para a polícia ficou clara a intenção de matar a vítima sem que ela pudesse reagir.

Após o crime, o filho de Flordelis ligou para a polícia para informar o crime, como forma de despistar o envolvimento. A TV Globo teve acesso ao áudio, confira:

Policial: Boa noite, com quem eu falo?

Flávio (filho de Flordelis): Você fala com o Flávio. Envia uma viatura aqui pra rua Cruzeiro número 45, o mais breve possível.

Policial: O que houve no local?

Flávio (filho de Flordelis): Não sei. A minhã mãe chegou aqui agora, ouviu um tiro, quando eu fui ver o marido dela tá aqui caído no chão. Não sei se foi tentativa de assalto, não sei o que foi. Pelo amor de Deus envia uma viatura o mais breve e uma ambulância também pra mim, por favor, cara.

0

 

Últimas notícias