Butantan prevê para maio vacina 100% brasileira contra Covid

Composto segue a mesma tecnologia do imunizante contra a gripe e tem aplicação prevista para o segundo semestre deste ano

atualizado 26/03/2021 9:14

João Doria e ButanvacReproduç!ao/YouTube

São Paulo – O Instituto Butantan prevê para maio a produção de 40 milhões de doses da Butanvac, vacina contra a Covid-19 100% brasileira.

A expectativa, de acordo com o governador de São Paulo, João Doria, é de que o imunizante comece a ser aplicado na população a partir de julho.

Nesta sexta-feira (26/3), o instituto, que é ligado ao governo paulista, pedirá à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorização para iniciar a fase 3 do estudo, com testes da vacina em humanos.

O novo imunizante usa a mesma tecnologia da vacina da gripe, o que a torna mais barata. A expectativa é de que, a partir de maio, o instituto tenha cerca de 40 milhões de doses do composto prontas. A aplicação está prevista para julho.

0

O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, também adiantou que há pelo menos outros sete estudos de imunizantes no Brasil, todos na fase anterior aos ensaios clínicos.

“É uma segunda geração de vacina contra a Covid-19, então pode haver uma análise mais rápida”, afirmou.

A Butanvac foi desenvolvida pelo instituto, que lidera um consórcio internacional do qual é o principal produtor — 85% da capacidade total de fornecimento da vacina, se ela funcionar, sairão do órgão do governo paulista.

Últimas notícias