Briga por causa de choro de criança termina com dois mortos no Piauí

Uma mulher está em estado grave após levar um tiro na cabeça. Discussão começou por causa do choro de uma criança de quatro anos com autismo

atualizado 25/10/2022 1:24

Daniel e Felipe Reprodução

Dois homens morreram e uma mulher está em estado grave após uma discussão familiar que começou por causa do choro de uma criança de quatro anos com transtorno do espectro autista, em Teresina (PI).

A confusão teve início na sexta-feira (29/7), quando Daniel Flauberth Gomes Nunes Leal (na foto em destaque à direita), de 38 anos, tio do menino, saiu de casa para brigar com a criança, irritado com o choro.

No sábado de manhã, o pai do garoto e cunhado de Daniel, Felipe Guimarães Martins Holanda (na foto em destaque à esquerda), 37, foi tirar satisfação com o homem. Nesse momento, Felipe estaria com uma faca e o cunhado, que é instrutor de tiro, pegou uma arma.

Em meio à discussão, Daniel efetuou um disparo que atingiu a babá Juliana da Silva, 36, na cabeça, enquanto ela cuidava das crianças na área de lazer do terreno. Os dois partiram para um confronto físico e mais disparos foram feitos, acertando Felipe na virilha e Daniel na cabeça. Os dois morreram e a babá está em estado grave.

De acordo com informações preliminares, todos os tiros partiram da pistola 380 de Daniel. Além da arma, o instrutor de tiro também tinha em casa uma pistola 9mm e um revolver 357.

Mais lidas
Últimas notícias