BH enterrou 43 pessoas por dia em março, quase o dobro de 2020

Com a escalada de casos e o agravamento observado nas últimas semanas, os cemitérios da capital mineira também ilustram o triste cenário

atualizado 05/04/2021 12:10

Divino Advincula/PBH

Não é só o sistema de saúde de Belo Horizonte que tem sofrido para comportar os impactos da pandemia de Covid-19. Com a escalada de casos e o agravamento observado nas últimas semanas, os cemitérios da capital mineira também ilustram o triste cenário.

O mês de março deste ano bateu recorde de sepultamento: foram 1.358 enterros realizados, quase o dobro do registrado no mesmo período do ano passado, quando foram feitos 933.

Leia mais em BHAZ, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias