Amazônia: área com alertas de desmatamento aumenta 85% em 2019

Dados são do Sistema de Detecção de Desmatamento em Tempo Real (Deter), desenvolvido pelo Instituto nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe)

Antonio Cruz/ Agência Brasil

atualizado 14/01/2020 16:24

A área que registrou alertas de desmatamento na Amazônia Legal em 2019 aumentou 85,35% se comparada com o registro de 2018. É o que mostram os dados do Sistema de Detecção de Desmatamento em Tempo Real (Deter), desenvolvido pelo Instituto nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

De acordo com o estudo, de janeiro a dezembro do ano passado, a área com alertas chegou a 9.165,6 km². Em 2018, esse número foi de 4.946,37 km².

Além disso, os dados de 2019 são os mais elevados dos últimos cinco anos. Veja abaixo:

  • 2015: 2.194,91 km²
  • 2016: 6.032,76 km²
  • 2017: 3.551,52 km²
  • 2018: 4.946,37 km²
  • 2019: 9.165,6 km²

Por estado
Dos estados que compõem a Amazônia Legal, Pará, Mato Grosso, Amazonas e Rondônia foram os que mais tiveram registros de alertas de desmatamento em 2019.

  • Pará: 3.716,15 km²
  • Mato Grosso: 1.919,55 km²
  • Amazonas: 1.354,06 km²
  • Rondônia: 1.342,38 km²

Últimas notícias