*
 

Mesmo tendo boa parte dos bens bloqueados pela Justiça e com seu grupo empresarial falido desde março deste ano, o ex-senador Valmir Amaral mantém uma frota milionária de veículos escondida no Sudoeste, a mais de 10 quilômetros de sua mansão no Lago Sul. Quem passa pelo estacionamento do Bloco I da Quadra 305 do Sudoeste pode ver um Porsche Panamera branco estacionado ao lado de um Corvette conversível vermelho e de um utilitário Land Rover. Outras duas máquinas, uma Ferrari branca e um Corvette conversível amarelo, estão na garagem do Bloco H da mesma quadra, onde Amaral é dono de um apartamento.

Os três veículos estacionados embaixo do Bloco I foram transferidos pelo empresário para familiares. Estão no nome da Brasloc, Brasília Locadora Ltda., que tem em seu quadro societário Ana Amância do Amaral – mãe de Valmir – e Vilma Amância do Amaral, irmã do ex-senador. Já a Ferrari, avaliada em R$ 1,2 milhão, está alienada para um banco. O Corvette amarelo pertence a um dos filhos de Amaral.

Apesar de ter um capital social modesto, de R$ 20 mil, a Brasloc é proprietária de veículos que somam, por baixo, R$ 700 mil. Apenas o Porsche ano 2010 é avaliado em cerca de R$ 350 mil. O veículo, de acordo com pessoas que circulam pela quadra, teve os pneus furados. O último carro a ser transferido para o nome da Brasloc foi a Land Rover, em 15 de abril deste ano – um mês após a Justiça decretar a falência do grupo Amaral.

O Metrópoles procurou Valmir Amaral para falar sobre a situação dos veículos, mas ele negou que fosse o dono dos automóveis. “Basta olhar as placas e puxar no Detran (Departamento de Trânsito) para ver que não estão no meu nome”, afirmou. Questionado o porquê de os três veículos estarem no nome de uma empresa de propriedade de sua mãe e irmã, o ex-senador resumiu: “É isso aí”.

Memória
Em 21 de março deste ano, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) decretou a falência das empresas Santo Antonio Transporte e Turismo Ltda., Rápido Girassol Transportes Ltda., Expresso Rota Federal Transportes Ltda., Santo Antonio de Veículos Ltda., Rápido Santo Antonio Ltda., Jat Aerotaxi Ltda., Viação Valmir Amaral Ltda., todas pertencentes ao Grupo Amaral.

Durante quase 40 anos, o conglomerado explorou o serviço de transporte público na capital. A Vara de Falências tomou a decisão por entender que estava confirmado o “estado de insolvência das empresas”.

Devido à falência, a Justiça determinou que uma mansão do ex-senador fosse colocada a leilão. O valor do imóvel, avaliado em R$ 15 milhões, será utilizado para quitar uma série de dívidas do empresário, incluindo a sonegação do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) desde 2007. A dívida total com o tributo é de R$ 471,3 mil, sem contabilizar juros e correção monetária.

 

 

COMENTE

Valmir Amaral
comunicar erro à redação