*
 

Antes mesmo da abertura dos locais de votação, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já registrava ocorrências em diferentes localidades do país relacionadas às eleições 2016. No primeiro boletim divulgado pela Corte, até às 7h30 deste domingo (2/10) três ocorrências envolviam candidatos, duas delas resultaram em prisão.

Um candidato em Passo de Torre, Santa Catarina, e um candidato no município de Tupã, São Paulo, foram presos por divulgação de propaganda. A Bahia também registrou uma ocorrência de boca de urna por candidato, mas o caso não resultou em prisão.

O TSE também informou sobre ocorrências entre os eleitores: no Rio de Janeiro, quatro pessoas foram presas por divulgação de propaganda; outras cinco foram presas em Santa Catarina e duas em São Paulo por motivos não especificados.

Até às 7h30 de hoje, o TSE registrou 19 ocorrências envolvendo eleitores: 11 com prisão e oito sem.

No primeiro boletim divulgado, a Corte informou que nove urnas foram substituídas até agora. Quatro delas foram trocadas no Acre. Alagoas, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Sergipe tiveram uma urna substituída em cada até o momento.

 

 

COMENTE

tribunal superior eleitoral
comunicar erro à redação