Ares-condicionados ganham inteligência e se integram à decoração

Nova linha de aparelhos da LG promete economia de 70% de energia, além de design moderno e controle por voz, inclusive remotamente

atualizado 12/11/2019 16:51

São Paulo (SP) – Recentemente, a história de uma garota que tuitou usando a geladeira após ter o celular confiscado pela mãe viralizou na internet. Além de engraçado, o caso demonstra o quanto a tecnologia se tornou indispensável e como os eletrodomésticos têm evoluído para atender a demanda do público. Aos poucos, eles agregaram funções que dificilmente imaginaríamos por controle remoto – ou ainda por meio da voz.

Lançada recentemente, a linha de ares-condicionados da LG é um exemplo de como os fabricantes estão buscando aliar design, funcionalidade e economia a eletrodomésticos que sofriam um certo “preconceito” dos compradores.

O maior diferencial dos lançamentos é o controle por comando de voz via Amazon Alexa e Google Assistente. Nos modelos anteriores, já era possível controlar ar-condicionado por celulares Android e iOS (iPhone), por meio do aplicativo SmartThinQ, com a conexão Wi-Fi dos aparelhos.

Agora, além de dar comandos via app ao celular e receber avisos sobre limpeza necessária no aparelho, o usuário pode escolher a temperatura e outras funções por comando de voz do smartphone. Inclusive remotamente. Quer chegar em casa e desfrutar de um ambiente fresquinho? É só pedir ao celular para ligar o aparelho alguns minutos antes de chegar.

Ranyelle Andrade/Esp. Metrópoles
Com modelos Inverter, LG promete economia de, pelo menos, 70% em relação aos modelos tradicionais

Batizada de Dual Inverter Voice, a linha também conta com as funções de autolimpeza e Comfort Sleep, que proporciona conforto térmico no ambiente durante o período do sono, sem que o usuário precise acordar e regular a temperatura. Os novos aparelhos chegam com o menor nível de ruído da marca, 19 decibéis, dando a impressão que está praticamente desligado.

“Houve um tempo em que o ar-condicionado era um objeto grande, que ocupava espaço, fazia barulho e aumentava a conta de energia elétrica. Nós trabalhamos para solucionar esses problemas e oferecer um produto que seja o oposto. A linha Dual Inverter também tem sistema que promove 70% de economia de energia”, explica a gerente executiva Kati Dias.

Divulgação

Apesar de serem uma mão na roda tanto no calor quanto no frio, outro problema dos ares-condicionados é que nem sempre conversam com a decoração. A questão também foi pensada e solucionada pelos fabricantes dos novos modelos. A LG lançou ainda o Artcool, uma versão com detalhes em inox e acabamento esperado. “É o sonho dos designers”, mencionou Kati Dias.

A linha chega ao Brasil com preços que variam de R$ 2.100 a R$ 4.520, dependendo da quantidade de BTUs – unidade usada para medir a  energia necessária para mudar a temperatura de um ambiente. Já o Dual Inverter ArtCool, em acabamento espelhado, chega em versão de R$ 3.170 a R$ 5.950. O Dual Inverter Power, para estabelecimentos maiores, sai por cerca de R$ 9 mil.

*A repórter viajou a convite da LG

Últimas notícias