Nova atração de SP convida visitantes a “flutuar” no topo da cidade

Inspirado em atração dos Estados Unidos, o Sampa Sky promete vistas estonteantes do centro da capital paulista

atualizado 20/07/2021 11:14

Reprodução/Instagram

É o prédio Mirante do Vale, com seus 170 metros de altura aos pés do Viaduto da Santa Ifigênia, que sustenta a vista mais alta de São Paulo. Em sintonia com seu nome, o edifício receberá dois mirantes retráteis que prometem proporcionar aos visitantes a sensação de “caminhar” sobre a selva de pedra.

Chamada de Sampa Sky, a nova atração paulistana consiste em duas estruturas de vidro retráteis, montadas no 42º andar, que saem pela fachada e formam uma varanda transparente. Aos pés da construção, estão as ruas, prédios e casas do centro da cidade.

As obras do futuro mirante paulistano estavam previstas para serem concluídas na segunda quinzena de abril. Mas, com a pandemia, a abertura foi adiada para o mês de agosto. O local, com capacidade para receber até 400 pessoas simultaneamente, receberá dois decks, um voltado para o sul, com vista privilegiada para o Vale do Anhangabaú, e outro para a zona leste, sobre a Avenida Prestes Maia.

O novo point foi idealizado pelo chef André Berti, em parceria com Antônio Carlos da Relva Caldeira, proprietário do 42º andar do Mirante, e o publicitário Alessandro Martineli. Segundo os proprietários, a ideia é que o espaço de 700 metros quadrados tenha um café e receba eventos corporativos e sociais.

A nova vista privilegiada da capital paulista, conhecida pelo festival de arranha-céus que compõem a linha do horizonte, foi inspirada no famoso Sky Deck Chicago, um dos passeios mais disputados da cidade estadunidense.

0

O Sampa Sky funcionará das 10h às 20h, diariamente. Os ingressos estarão disponíveis pela plataforma Sympla, com períodos de visitação de 30 minutos.

Últimas notícias