Seis projetos incríveis de apartamentos pequenos para se inspirar

Doses generosas de criatividade transformam ambientes de dimensões tímidas em verdadeiros oásis

Tatiana Lopes/Escritório Aobá

atualizado 30/10/2019 18:24

Em tempos de crise econômica e crescimento populacional exacerbado, apartamentos de poucos metros quadrados são realidade. Os lares enxutos, ao contrário da sabedoria convencional, não são sinônimos de desconforto, tampouco descaso com os detalhes. Eles apenas exigem mais jogo de cintura na decoração para se tornarem grandes notáveis.

O Metrópoles selecionou seis projetos arquitetônicos que comprovam esse pensamento. As residências “mignon” abusam da criatividade e evidenciam, de maneira definitiva, que tamanho não é documento.

Confira e inspire-se:

Lindo de ver, fácil de replicar

O escritório de arquitetura Aobá assumiu o desafio de transformar esse apartamento de 46m² em uma morada confortável para um rapaz de Brasília. O espaço foi focado em soluções de baixo custo e móveis com personalidade.

Uma das manobras mais inventivas do projeto foi esconder a área de serviço, com acesso ao lado da mesa de televisão, com uma cortina. Quem adentra o imóvel nem imagina que, por trás da barreira, há baldes, vassouras e varal de roupas.

0

Varanda integrada

O apê de 35m² com varanda integrada tem assinatura da Oliva Arquitetura. O projeto integra ambientes e aposta na marcenaria personalizada para comportar objetos.

Um dos pontos altos do imóvel é a estante da televisão. Com pegada moderna e espaço para armazenar pequenos itens, ela é funcional e emblemática.

0

Apartamento com “quê” feminino

Uma jovem de 25 anos procurou o escritório da Andrade & Mello Arquitetura para realizar o sonho da casa própria. O resultado? Um imóvel de 55m² permeado por tons femininos, formas geométricas e espelhos personalizados.

O espaço encaixa armários em todos os cantinhos e une ambientes para garantir conforto na metragem limitada. Há espaço para sentar e receber os amigos, além de plantas para tornar o imóvel mais acolhedor.

0

Lar do homem solteiro

Idealizado pelo arquiteto Pietro Terlizzi, esse apê de 51m² teve inspiração nas cidades de Nova York e Barcelona, onde o morador, um homem solteiro, morou anteriormente. 

O desejo principal do proprietário era imprimir toques masculinos na decoração e, para não pesar o pequeno ambiente com as cores escuras típicas do estilo, a solução foi optar por materiais rústicos, como madeira de demolição, tijolos e serralheria. Os elementos foram combinados com paredes brancas para dar ilusão de espaço.

0

40m² para três pessoas

Para acomodar uma família de três, os arquitetos do Estudio FCK remodelaram um apartamento de 40m². O imóvel, que na planta original possuía apenas um quarto, foi transformado: um cômodo virou dois, e o banheiro mudou de lugar para permitir melhor circulação.

Tons quentes e detalhes em madeira foram escolhidos para tornar os cômodos mais confortáveis. Nichos e cobogós entraram em cena para dividir sem fechar completamente a passagem de luz e ajudar na sensação de amplitude

0

Home office

Para moldar uma casa que, às vezes, é usada como escritório, as profissionais do Aobá Arquitetura otimizaram espaço através da integração. Originalmente com dois quartos, o imóvel de 63m² cedeu um dos cômodos para estender a sala, utilizada parcialmente como home office.

A atenção com a dimensão dos móveis foi redobrada para não comprometer a circulação da morada. O concreto aparente, hype no universo da decoração, deu um tom contemporâneo para a sala e cozinha.

0
Últimas notícias