Jovem inspira mulheres ao postar selfies com bolsa de colostomia

Bethany Gallagher quer ajudar outras pessoas que utilizam o acessório e são portadoras da doença de Crohn a aumentarem a autoconfiança

REPRODUÇÃO/INSTAGRAMREPRODUÇÃO/INSTAGRAM

atualizado 11/01/2019 15:14

Após o presidente da República, Jair Bolsonaro, sofrer um atentado durante o período de campanha, ele foi obrigado a usar uma bolsa de colostomia, fato que despertou a curiosidade de muita gente. Pois bem, uma britânica já convive há muito tempo com o equipamento e, por meio das redes sociais, ela procura tirar o mistério em relação ao aparelho e mostrar que vive muito bem, obrigada.

Bethany Gallagher, 23 anos, foi diagnosticada aos 15 com a doença de Crohn, condição inflamatória do trato gastrointestinal que a fazia ir ao banheiro até 45 vezes por dia. A jovem precisou fazer uma cirurgia no ano de 2017 como parte do tratamento, a partir do qual passou a usar a bolsa de colostomia. Desde então, ela posta selfies com o aparato para inspirar e transmitir confiança a outras pessoas que também são portadoras de doenças intestinais.

Em entrevista ao jornal Daily Mail, Bethany disse que começou a tirar e compartilhar fotos para a família e os amigos. ”Meus pais não queriam que eu passasse por isso. Então, eu criei uma conta para mostrar a todos como estou bem e orgulhosa do que vivi”, destacou.

A jovem passou por uma segunda cirurgia para remover o intestino grosso em março de 2018, tornando a bolsa de colostomia um item permanente. Segundo a britânica, o equipamento salvou sua vida e serve para ajudar pessoas na mesma situação.“Recebo muitas mensagens de gente dizendo que minhas fotos as inspiraram e, agora, elas caminham pela praia de biquíni pela primeira vez. Eu amo isso”, destacou.

O diagnóstico de artrite idiopática juvenil veio quando Bethany tinha apenas 18 meses de vida. A doença é autoimune, incurável e faz com que o sistema imunológico ataque o tecido de suas articulações, o que resulta em inchaço. Isso foi o início de uma série de diversas e demoradas internações hospitalares. Namorado da jovem há 10 anos, Mike Saul apoiou a amada em todos os momentos.

Ela acredita que as fotos fazem perceber que, mesmo com a bolsa e as cicatrizes, o seu corpo não é tão diferente de outras pessoas. ”Eu quero ajudar todo mundo a ver a bolsa de colostomia com naturalidade”, finaliza Bethany.

Últimas notícias