*

Morta em consequência de um câncer em 2015, aos 72 anos, Marília Pêra deixou uma herança milionária para seus entes queridos, mas a administração de seus bens tem dado dor de cabeça para o viúvo dela, Bruno Dias. Por conta disso, o ex-marido da atriz terá de apresentar à Justiça todas as contas referentes ao espólio da amada.

De acordo com o colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, os herdeiros de Marília são os filhos dela, Esperança, Nina e Ricardo; a irmã, Sandra Pêra, e Bruno Dias. Contudo, nenhum deles entrou em acordo para administrar os bens.

Ainda sem direito à sua porcentagem da herança, Bruno já teria desembolsado R$ 328.186,50 com despesas do espólio de Marília. “A decisão, a que se refere a nota, determina, a bem da verdade, que o inventariante informe os recebimentos de valores do espólio havidos por outras pessoas, uma das herdeiras testamentárias e administradores de bens do espólio, concernentes a imóveis alugados a terceiros”, informa o advogado de Bruno, referindo-se à apresentação das contas pagas pelo viúvo.

Segundo o advogado, Bruno ainda não recebeu um centavo da herança. Contudo, esclarece que “em dois meses apenas, o juízo determinou o levantamento de dinheiro para fazer jus às despesas futuras [do espólio]”. Isto significa que Bruno pode passar a não ter que desembolsar mais para cuidar da herança de Marília.

O legado da atriz soma cerca de R$ 40 milhões. Conforme consta no testamento, aberto em 2016, 25% dessa quantia é destinada a cada um dos filhos dela, e os outros 25% restantes serão entregues à irmã de Marília e ao ex-marido, Bruno.