Vacina de Oxford contra a Covid-19 será testada em versão inalada

Imunização criada pelo Imperial College também passará pelo experimento de eficácia. Até o momento, procedimento é feito com injeção

atualizado 14/09/2020 21:00

spray nasalIStok

Depois de alguns estudos mostrarem a eficácia de uma imunização inalada contra a Covid-19, a vacina de Oxford e a do Imperial College de Londres serão testadas com esta nova abordagem. Até o momento, os experimentos são feitos com injeção intramuscular.

As informações são da Reuters. Os cientistas do Imperial College alegam que as vacinas em spray, inaladas, podem ter uma reação mais especializada por serem aplicadas no primeiro lugar exposto ao vírus, o nariz.

“Estamos determinados a explorar se este também pode ser o caso do Sars-CoV-2 e se administrar vacinas contra Covid-19 pelo trato respiratório é seguro e produz uma reação imunológica eficiente”, explica, em comunicado, Chris Chiu, do Imperial College.

O medicamento da entidade ainda está na segunda fase de estudo clínico.

Cerca de 30 pessoas devem participar dos testes. As vacinas serão aplicadas na versão aerossol, com ajuda de um nebulizador.

0

Últimas notícias