Número de mortes pelo coronavírus vai a 132; há 5.974 infectados

Províncias chinesas de Hubei, onde fica Wuhan, e Henan relataram mais 26 mortes e 1.459 novos casos confirmados. Há 20 mil em observação

atualizado 28/01/2020 21:42

coronavírus ilustraçãoCDC/Unsplash

A Comissão Nacional de Saúde da China relatou, ao amanhecer desta quarta-feira (29/01/2020) no país (noite de terça-feira, 28 de janeiro no Brasil), mais 26 mortes e 1.459 novos casos nas províncias de Hubei, onde fica a cidade de Wuhan, epicentro do novo coronavírus, e de Henan. Com os novos registros, as mortes saltaram para 132 e as infecções confirmadas passaram a 5.974 – dos quais 59 casos confirmados no resto do mundo, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Só na província de Hubei há 3.349 pacientes internados com o vírus, e estimados 20 mil estão sob observação médica.

Segundo agências internacionais, cientistas vinculados ao Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos preparam-se para testar em humanos, no prazo máximo de três meses, vacinas contra o novo coronavírus. A ideia é de que a imunização parta do código genético desta nova mutação do coronavírus, conhecida como 2019-nCOV.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) pediu a cientistas de todo o mundo que estejam estudando o novo coronavírus para compartilhar suas descobertas com a instituição mesmo sem a publicação oficial em periódicos oficiais.

Últimas notícias