Idosa recebe cinco doses da vacina contra coronavírus por engano

A mulher foi imunizada com um frasco inteiro da vacina da Pfizer e está em observação hospitalar. Caso aconteceu em Jerusalém

atualizado 15/01/2021 11:49

vacina covid-19 coronavírus frascos e seringasNataliya Vaitkevich no Pexels

Uma idosa de 67 anos recebeu, por engano, cinco doses da vacina contra a Covid-19 de uma só vez. A paciente foi imunizada com um frasco inteiro do medicamento, de acordo com informações do jornal Jerusalem Post. O caso ocorreu em Jerusalém, Israel.

Felizmente, a mulher não apresentou efeitos colaterais de imediato nem após a inoculação da vacina Pfizer/BioNTech. Ainda assim, a equipe médica achou melhor encaminhar a paciente para o Centro Médico Shaare Zedek, onde ela está em observação até o momento.

O caso de superdosagem não foi o primeiro erro do tipo cometido pela equipe do Maccabi Healthcare Services, local em que a paciente foi vacinada. Em dezembro de 2020, um profissional de saúde do hospital recebeu o equivalente a seis doses da vacina por engano. Assim como a idosa, ele não teve efeitos colaterais e recebeu alta em seguida.

Em entrevista ao Jerusalem Post, Cyrille Cohen, chefe do laboratório de imunoterapia da Universidade Bar-Ilan, disse que a superdosagem pode acontecer por uma questão de excesso de demanda. “Depois de tantos pacientes, os enfermeiros, que às vezes estão acostumados a injetar todo o conteúdo do frasco— não para esta vacina, mas em geral — se enganam e pegam todo o composto. Estou surpreso que tenha acontecido apenas duas vezes”.

Em ambos os casos, os pacientes não apresentaram efeitos colaterais, o que foi um fato “esperado”, de acordo com o especialista. Isso porque, nos testes clínicos, a Pfizer já havia testado a imunização com doses de três a quatro vezes maiores que a utilizada hoje, sem efeitos adversos nos participantes.

0

 

Últimas notícias