Covid-19: Rússia, Alemanha, Indonésia e Japão batem recordes de novos casos

Países europeus enfrentam segunda onda de infecções e tentam controlar epidemia com novas medidas de restrição à circulação

atualizado 13/11/2020 16:42

máscaras brancas sobre fundo vermelhoMike Sena/Especial Metrópoles

Nesta sexta-feira (13/11), Rússia, Alemanha, Indonésia e Japão registraram recordes de casos novos de Covid-19.

Em meio à segunda onda de contágio na Europa, a Rússia teve 21.983 novos infectados e 411 mortes. Moscou segue como epicentro da doença no país, que é o quinto mais afetado pelo coronavírus no mundo, atrás apenas de Estados Unidos, Índia, Brasil e França.

A Alemanha registrou 23.542 novas infecções e 218 óbitos. A Itália registou 636 mortes, o pior número desde abril passado, e anotou 37.978 novos casos. Na Espanha, foram registradas 19.511 novas infecções e 356 mortes.

No Japão, foram 1.685 novos infectados, número que bateu o recorde do dia anterior.

A Indonésia registrou 5.444 novos casos e 104 mortes. Com 457.735 infectados e 15.037 óbitos, o país é o mais afetado pela pandemia no sudeste asiático.

Últimas notícias