Após 4 meses, mulher testa positivo novamente para coronavírus

Os médicos disseram que o vírus poderia ter ficado dormente quando ela teve a doença pela primeira vez e, então, voltaram ao normal

atualizado 17/06/2020 17:58

Meredith McKeReprodução

Uma mulher de Dallas, Texas, Estados Unidos, não teve uma notícia muito boa 4 meses após sofrer com o coronavírus e se recuperar. Em um segundo teste feito agora, Meredith McKee foi diagnosticada novamente com a doença após sofrer com os sintomas. “Na primeira vez, tive muita tosse seca, não parava”, contou ao canal NBC 5.

Logo após 15 dias, ela se recuperou e até doou plasma para ajudar outras pessoas. “Me sentia ótima depois do inferno que passei”, disse. No entanto, na última semana, ela foi parar no hospital novamente com pressão alta e febre. Ao fazer o exame, foi diagnosticada mais uma vez com a Covid-19.

0

“Fiquei no chão quando deu positivo de novo”, disse Meredtih. Segundo o médico ouvido pelo canal, é possível que reminiscências do vírus ainda estivessem no corpo da mulher. “O que mais encontramos são fragmentos do vírus que são pegos por meio do teste do cotonete semanas depois e não são replicáveis. Eles não são vírus vivos”, explicou Ania Wajnberg, da Ichahn School of Medicine de Nova York.

Segundo a Meredith, os médicos disseram que o vírus poderia ter ficado dormente quando ela teve a doença pela primeira vez e, então, voltaram ao normal. A paciente disse ter esperança de que o caso dela sirva como alerta para que todos usem máscaras e tomem os cuidados necessários.

Últimas notícias