metropoles.com

Forbes atualiza lista das 10 pessoas mais ricas do mundo; veja ranking

Do grupo de bilionários, todos são homens e a maioria é de norte-americanos. Grande parte fez fortuna atuando no ramo da tecnologia

atualizado

Compartilhar notícia

Vincent Isore/IP3/Getty Images
Bernard Arnault
1 de 1 Bernard Arnault - Foto: Vincent Isore/IP3/Getty Images

A revista americana Forbes atualizou nesta semana o seu ranking de maiores bilionários do planeta. De acordo com a lista, o francês Bernard Arnault (foto em destaque) é a pessoa mais rica do mundo, com um patrimônio líquido de US$ 233 bilhões – o equivalente a cerca de R$ 1,176 trilhão (com o dólar cotado a R$ 5,05).

Arnault é dono e diretor-executivo da LVMH, considerada a maior empresa de artigos de luxo do mundo, que detém marcas como Louis Vuitton, Givenchy, Christian Dior, no mundo da moda; além de Moët & Chandon, Veuve Clicquot e Hennessy, entre as bebidas. E isso para citar apenas uma pequena amostra do portfólio da LVMH. 

Arnault ocupa o primeiro lugar da lista pelo segundo ano seguido. Entre 2023 e 2024, a fortuna do francês engordou US$ 22 bilhões (R$ 111 trilhões), graças a mais um ano de lucros astronômicos de seu conglomerado de luxo.

Elon Musk, o proprietário do X (ex-Twitter), além da Tesla, a fabricante de automóveis elétricos, entre outros negócios, ocupa a segunda posição no ranking, com um saldo bancário de US$ 195 bilhões. Jeff Bezos, proprietário da Amazon, ocupa a terceira posição no ranking. Ele é dono de uma bolada de US$ 194 bilhões.

Musk e Bezos vêm disputando o segundo e terceiro lugares do ranking palmo a palmo – ou bilhão a bilhão. Isso ocorre à medida que as ações das empresas dos dois bilionários oscilam no mercado.

Mark Zuckerberg, da Meta, dona do Facebook, Instagram e WhatsApp, aparece em quarto lugar na lista, com um pé de meia que chega a US$ 177 bilhões. Larry Ellison, o cofundador da Oracle, vem na quinta posição, com US$ 141 bilhões. 

Os bilionários mais pobres

A seguir, a lista traz, entre o sexto e o décimo colocados, o megainvestidor Warren Buffett, de 93 anos, com US$ 133 bilhões. Bill Gates, o fundador da Microsoft, é o sétimo, com US$ 128 bilhões, e Steve Ballmer, que presidiu a Microsoft por décadas, o oitavo, com US$ 121 bilhões. No nono posto, está Mukesh Ambani, dono do conglomerado indiano de indústrias Reliance, com US$ 116 bilhões. Por fim, no décimo posto, aparece Larry Page (US$ 114 bilhões), que fundou o Google ao lado de Sergey Brin.

Note-se que, entre os 10 mais ricos do mundo, todos são homens e sete deles, norte-americanos – Musk nasceu em Pretória, na África do Sul, Arnault é francês de Roubaix, no norte do país, e Ambani é natural do Iêmen. Novamente, sete deles ganharam a vida atuando no setor de tecnologia. Nesse caso, Arnault, do mundo do luxo, Buffet, dos investimentos certeiros, e Ambani, que atua na área industrial, são exceções.

Compartilhar notícia