*
 

Um zoológico chinês, na província de Henan, está sendo criticado na internet por alimentar cobras com filhotes de cachorros vivos.

De acordo com o jornal britânico Daily Mirror, a direção da instituição se defendeu dizendo que as cobras não pertencem ao estabelecimento. Proprietários particulares usariam as dependências do zoológico para manter os bichos.

O porta-voz do local reforçou que as práticas alimentares são definidas pelos donos dos répteis, mas, após fortes críticas nas redes sociais, a instituição se comprometeu a conversar com os proprietários para mudar o cardápio das pítons.