*
 

Uma tragédia abalou a cidade de West Des Moines, Iowa, Estados Unidos. Com apenas 18 dias de vida, a pequena Mariana Sifrit morreu em um hospital da batalha após lutar contra uma meningite HSV1, um dos tipos mais graves da doença. Segundo os médicos, a menina desenvolveu a doença a partir do vírus da herpes, que deve ter sido passado por alguém que a beijou.

Por meio do Facebook, Nicole Sfrit, a mãe da bebê, comunicou a morte dela. “Nossa princesa Mariana Sifrit ganhou a suas asas de anjo às 8h41 dessa manhã nos braços do pai e comigo ao lado dela. Nossa menina não está sofrendo mais e, agora, está com Deus. Obrigada a todos que seguiram a nossa jornada e nos deram apoio”, disse Nicole.

A vida dos pais e da bebê começou a virar de cabeça para baixo seis dias após o nascimento dela. Mariana tinha parado de comer e não respondia a estímulos. Ao fazer exames, os médicos constataram a presença do vírus da herpes. Tanto Nicole quanto o marido fizeram exames que deram negativo para a doença, segundo o jornal Daily Mirror.

Antes da morte da bebê, a mãe fez um pedido a todos que têm recém-nascidos. “Não deixe as pessoas beijarem suas crianças e tenham certeza de autorizar que eles peguem no bebê”, disse.