Portugal suspende voos entre o país e o Brasil por piora na pandemia

Estão permitidos voos de repatriação e humanitários com testes negativos para o coronavírus, além de quarentena de 14 dias no país

atualizado 27/01/2021 14:27

O governo de Portugal suspendeu, nesta quarta-feira (27/1), os voos entre o país e o Brasil. A medida passa a valer em 29 de janeiro, e tem previsão de ser mantida até 14 de fevereiro. O Ministério do Interior português disse que a piora da pandemia do coronavírus no mundo e a detecção de novas variantes da Covid-19 justificaram a decisão.

Estão permitidos apenas voos de repatriação e humanitários, e, mesmo nesses casos, os viajantes precisarão exibir um resultado negativo do teste de coronavírus que tenha sido feito 72 horas antes do embarque. Além disso, eles precisarão fazer quarentena de 14 dias ao chegar a Portugal.

O Ministério do Interior diz ainda que nos voos de caráter humanitário está liberado o embarque de cidadãos da União Europeia e do Espaço Schengen – grupo de 26 países europeus, sendo que alguns deles não são da União Europeia –, desde que sigam os mesmos protocolos de segurança para poder ingressar no país.

Desde o começo da pandemia, Portugal teve 669 mil casos positivos de Covid-19, com 11 mil mortes pela doença. O Parlamento deverá votar uma prorrogação de 15 dias do estado de emergência. Todas as medidas de confinamento devem ser prolongadas.

Mais lidas
Últimas notícias