*
 

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, negou “categoricamente” qualquer interferência do país e de autoridades ligadas a ele na eleição presidencial de 2016 nos Estados Unidos.

Putin se encontrou neste sábado (11/11) com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nos bastidores da reunião no Vietnã dos membros da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec, na sigla em inglês).

“Putin rejeitou categoricamente até a possibilidade hipotética que a Rússia poderia ter de alguma forma interferido no processo eleitoral dos EUA”, afirmou o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

Nos Estados Unidos, estão em curso investigações que apuram a ligação de autoridades russas com o pleito do ano passado. Há a suspeita que pessoas próximas a Trump tiveram contato com russos durante a campanha.

 

 

COMENTE

#PutinTrumpEleições EUA
comunicar erro à redação