Ômicron representa 73% dos novos casos de Covid nos Estados Unidos

O país registrou nesta segunda-feira (21/12), a primeira morte pela variante, no Condado de Harris, no Texas

atualizado 21/12/2021 8:41

Covid-19 Omicron Minas GeraisJosué Damacena/Fiocruz

A variante Ômicron já representa 73% dos novos casos de Covid-19 nos Estados Unidos. A informação é do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC). Ao todo, os Estados Unidos já registraram mais de 650 mil infecções pela variante e uma morte.

De acordo com o CDC, os casos da Ômicron aumentaram quase seis vezes na participação nas infecções em apenas uma semana. Nova York domina os casos com 90% de casos da variante. Nas regiões sudeste, no centro-oeste e noroeste do país os casos de Ômicron já ultrapassam mais da metade.

Pelo Twitter, o departamento de saúde do Condado de Harris, no Texas, anunciou a primeira morte pela variante Ômicron. No comunicado, o órgão diz óbito foi de um homem de idade entre 50 e 60 anos que não havia se vacinado com nenhuma dose da vacina e ainda tinha problemas de saúde.

O departamento de saúde alertou ainda para o aumento crescente dos casos no condado e a importância de reforçar os cuidados para evitar o contágio do vírus. “O nível 2 significa que a Covid não está controlada no condado de Harris, ou seja, o vírus está se espalhando. Use sua máscara e se vacine”, alertou na publicação.

No Brasil, de acordo com informações atualizadas pelo Ministério da Saúde, na manhã desta terça-feira (21/12), já foram registrados 27 casos da variante. Sendo que 16 deles foram confirmados em São Paulo, dois no Distrito Federal, um no Rio Grande do Sul, quatro no Goiás, três em Minas Gerais e um no Rio de Janeiro. Mais dois são suspeitos na capital Federal.

Mortes por Ômicron

Liderando no número de mortes pela variante, na segunda-feira (20/12), o Reino Unido comunicou que as mortes por Ômicron subiram para 12. A informação foi confirmada pelo vice primeiro-ministro britânico, Dominic Raab.

Além dos 12 óbitos, há ao menos 104 pessoas hospitalizadas com a variante do novo coronavírus. As informações constam no último boletim epidemiológico divulgado pelas autoridades de saúde locais.

A cepa tem se alastrado rapidamente pelo globo. Somente o Reuni Unido soma mais de 37 mil casos da variante. Na última semana, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, havia confirmado o primeiro óbito pela variante na região.

A nova mutação do vírus foi detectada pela primeira vez na África do Sul, mas rapidamente se espalhou por todo o continente africano e pela Europa. A nova onda de contaminação fez com que países europeus retomassem medidas de restrição e criassem normas para incentivar a vacinação contra a Covid.

Mais lidas
Últimas notícias