*
 

Uma mulher morreu de forma trágica em Arequipa, Peru. Segundo informações da polícia local, ela e o marido beberam um pouco e decidiram fazer sexo. Yubitza Llerena, então, pediu a para que utilizasse algum tipo de brinquedo sexual para deixar a relação ainda mais quente.

Segundo rapaz, em depoimento à polícia, depois desse pedido, ele não se lembra de mais nada. Ao acordar, o marido encontrou a mulher morta. Os agentes, então, foram chamados e encontraram vários brinquedos sexuais na mala. Entre eles, um morteiro com muitas manchas de sangue.

De acordo com a imprensa local, o morteiro parecia estar inativo e era utilizado como decoração. O objeto tinha quase 40 cm de comprimento e 6cm de largura. No local do crime, foram encontrados ainda analgésicos, que devem ter sido utilizados para diminuir a dor.

“Ele tem que ficar preso e pagar pelo que fez com minha filha. Vamos continuar lutando até o fim”, disse o pai da jovem morta ao jornal Daily Mail. Ruben está detido preventivamente.