Maduro divulga mistura de ervas com mel para curar o coronavírus

Presidente da Venezuela compartilhou receita em uma rede social, que decidiu apagar o conteúdo por se tratar de uma informação falsa

Marcos Oliveira/Agência Senado

atualizado 26/03/2020 11:42

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, recomendou uma suposta cura para a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus: mistura de capim-santo, gengibre, sabugueiro, pimenta do reino, limão e mel de abelha.

A publicação foi feita nessa quarta-feira (25/03) no Twitter. Mas não ficou muito tempo disponível, pois a rede social apagou a mensagem.

“O destacado pesquisador da Venezuela, Sirio Quintero, me apresentou três interessantes artigos sobre o coronavírus e me deu a permissão de compartilhá-los com o povo venezuelano”, escreveu o ditador, ao completar com os links dos textos.

Até o momento, contudo, não existe tratamento ou vacina com comprovada eficácia contra o novo coronavírus.

O número de infectados pela Covid-19 na Venezuela é um mistério. No último domingo (22/03), Maduro informou que o país registra 77 casos. O autodeclarado presidente Juan Guaidó estimou que teriam 200 casos.

Política anti-fake news
Com o avanço de notícias falsas sobre o novo coronavírus, o Twitter adotou medidas para excluir algumas postagens e evitar a disseminação de conteúdos que possam atrapalhar o combate ao novo coronavírus.

Nesta semana, o ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles e o senador Flávio Bolsonaro (sem partido-RJ) tiveram publicações deletadas pela rede social.

Twitter de Nicolás Maduro, que compartilha suposta cura da Covid-19
Twitter de Nicolás Maduro, que compartilha suposta cura da Covid-19
Últimas notícias