Macron, Merkel e Johnson felicitam Joe Biden: “Vamos agir juntos”

Primeiro ministro britânico Boris Johnson também enviou mensagem parabenizando o presidente eleito dos Estados Unidos

atualizado 07/11/2020 16:02

Getty Images

A declaração pela mídia americana da vitória do democrata Joe Biden na corrida eleitoral americana já está sendo reconhecida pelos líderes do mundo na tarde deste sábado (7/11).

O  presidente da França, Emmanuel Macron, felicitou pelo Twitter o democrata e sua vice, Kamala Harris. “Nós temos muito a fazer para derrotar os desafios atuais. Vamos agir juntos”, convocou o francês.

A chanceler alemã Angela Merkel também já felicitou o democrata, que não foi declarado oficialmente o vencedor da eleição, mas já tem os votos suficientes de acordo com os institutos privados que acompanham a apuração nos estados.

Boris Johnson, primeiro ministro da Inglaterra e aliado de Donald Trump, foi outro que já publicou sua mensagem.

“Parabéns a Joe Biden por sua eleição como presidente dos Estados Unidos e a Kamala Harris em sua conquista histórica”, escreveu o britânico. Kamala é a primeira mulher em uma chapa vencedora na eleição norte-americana na história.

“Os EUA são nosso maior aliado e quero trabalhar com eles em nossas prioridades conjuntas, das mudanças climáticas a comércio e segurança”, completou Johnson.

Veja a postagem original:

No Brasil, só Maia

O presidente Jair Bolsonaro, grande aliado de Donald Trump, e o Itamaraty não se manifestaram sobre a declaração de vitória de Biden. No Brasil, apenas o presidente  da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), se manifestou até agora.

“A vitória de Joe Biden restaura os valores da democracia verdadeiramente liberal, que preza pelos direitos humanos, individuais e das minorias. Parabenizo o presidente eleito e, em nome da Câmara dos Deputados, reforço os laços de amizade e cooperação entre as duas nações”, escreveu Maia, no Twitter.

Últimas notícias