*
 

A italiana Franca Franzi, que morreu em maio do ano passado aos 81 anos, deixou “alguns milhões de euros” para o canil San Giuliano, que cuida de animais abandonados e pode, com seu gesto, salvar a entidade em Veneza.

Segundo o jornal La Repubblica, ela deixou cerca de quatro milhões de euros para seus “amigos de quatro patas” e determinou que metade desse valor fosse aplicado no canil San Giuliano.

No entanto, a prefeitura de Veneza quer destruir o local por considerá-lo “superado” e, na última segunda-feira (30/10), começou a transferir parte dos animais para outros centro da cidade. Para evitar isso, a conselheira comunal Silvana Tosi fez uma carta ao prefeito Luigi Brunaro para pedir um prazo maior para a adequação do San Giuliano.

Caso o canil seja realmente derrubado, o dinheiro de Franzi pode ser devolvido à família já que, no testamento, há a menção específica do destino do dinheiro. De acordo com o jornal Corriere della Sera, o orçamento provisório para 2018 prevê cerca de 1,4 milhão de euros para a construção de um novo canil – o que indicaria que o San Giuliano será derrubado.

 

 

COMENTE

ItáliacachorroIdosaHerançacanil
comunicar erro à redação

Leia mais: Mundo