Homem mata mochileira, assiste pornô e se encontra com outra

Jovem de 22 anos foi morta nas primeiras horas do seu aniversário. Ela estava viajando pela Nova Zelândia

reprodução

atualizado 07/11/2019 15:36

Uma jovem britânica de 22 anos foi assassinada por um homem que conheceu em um aplicativo de relacionamentos quando estava viajando pela Nova Zelândia. Após o crime, o suspeito assistiu a um filme pornô, fotografou a genitália da vítima e se encontrou com outra mulher, pelo mesmo aplicativo. As informações são do jornal The Sun

Grace Millane era mochileira e morava em Essex, na região sudeste do Reino Unido. O crime ocorreu em dezembro do ano passado. O tribunal que julga o caso, porém, revelou a história apenas nesta quarta-feira (07/11/2019). A jovem estava viajando quando desapareceu nas primeiras horas do aniversário, em Auckland, na Nova Zelândia.

De acordo com o promotor Robin McCoubrey, a mulher foi estrangulada até sangrar pelo nariz. Após o assassinato, o corpo da jovem foi colocado em posição fetal dentro de uma mala. 

Ele pesquisou maneiras de se livrar do corpo, assistiu a um pornô hardcore e se encontrou com a outra mulher.

No dia seguinte à morte, o réu levou o corpo de Grace para ser enterrado em uma mata. Todo o procedimento foi feito em um carro alugado. Depois de se livrar do corpo, o homem limpou com material específico todo traço de sangue no veículo.

O suposto assassino, de 27 anos, afirmou que Grace pediu para que ele a sufocasse. Disse ainda que a morte da mulher foi acidental. “O importante é que os dois estavam ansiosos para se encontrarem e conseguiram”, disse Ian Brookie, defensor do suspeito. 

Imagens de câmeras de segurança mostram o casal saindo do elevador do hotel e indo para o apartamento do suposto assassino. O crime teria ocorrido durante a relação sexual.

Últimas notícias