“Textões” do Facebook são encontrados em cartas do Egito Antigo

Cientistas encontraram textos cheios de raiva e amargura, demonstrando o quão parecidos com humanos contemporâneos eram os humanos antigos

atualizado 03/11/2020 12:15

Famoso é o meme dos textões furiosos que ora aparecem pelo Facebook, eventualmente gerando uma certa vergonha alheia nos internautas. Bom, mas aparentemente isso já existia na Antiguidade.

Em cartas do Egito Antigo, cientistas encontraram textos cheios de raiva e amargura, demonstrando o quão parecidos com humanos contemporâneos eram os humanos antigos.

Leia mais em SoCientífica, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias