Candidata a “Miss Hitler” é condenada por participar de grupo neonazista

Na competição, ela se apresentou com o nome de Miss Buchenwald, em referência ao campo de concentração nazista

atualizado 09/06/2020 20:44

A candidata ao concurso “Miss Hitler”, Alice Cutter, 24 anos, e o namorado dela, Mark Jones, 25,  foram condenados no Reino Unido por pertencerem a um grupo neonazista, o National Action. Segundo os autos do processo, eles se encontravam com outros membros da organização regularmente e compartilhavam da mesma ideologia.

Uma das provas apresentadas pela acusação foi o fato de Alice ter participado de um concurso denominado Miss Hitler. Na competição, ela se apresentou com o nome de Miss Buchenwald, em referência ao campo de concentração nazista. Mesmo com as provas, segundo a agência PA News, ela negou que fizesse parte do grupo.

0

Além de Alice e Mark, três pessoas foram condenadas: Garry Jack, 24 anos, Connor Scothern, 19, e Daniel Ward, 29. Segundo o juiz Paul Farrer, os cinco tinham um papel “significante na continuação da organização” neonazista.

Alice e Cutter foram condenados a 3 e 5 anos de prisão, respectivamente. Garry recebeu a sentença de seis meses de prisão, enquanto Connor ficará preso por 18 meses. Já Daniel teve pena fixada em 3 anos. O National Action foi o primeiro grupo neonazista banido pelas leis antiterror do Reino Unido em 2016.

Últimas notícias