Randolfe pede investigação sobre morte trágica de diretor da Caixa

Senador lembra que Sérgio Ricardo Faustino Batista era um dos responsáveis pela investigação sobre as acusações de assédio no banco

atualizado 20/07/2022 14:55

Randolfe Rodrigues_CPIJefferson Rudy/Agência Senado

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) solicitou, nesta quarta-feira (20/7), uma investigação aprofundada sobre a morte trágica de Sérgio Ricardo Faustino Batista, diretor da Caixa que foi encontrado morto nas proximidades da sede do banco, em Brasília.

O caso foi revelado pelo colunista Rodrigo Rangel, do Metrópoles.

Vigilantes que faziam a ronda na região central da cidade localizaram o cadáver e comunicaram à polícia. O caso está sob investigação, mas apurações preliminares indicam tratar-se de suicídio.

“É urgente que se efetue uma investigação minuciosa. Um diretor da Caixa, que era também um dos responsáveis pela investigação sobre as acusações de assédio contra o ex-presidente do banco, Pedro Guimarães, foi encontrado morto. Diante do terror que vivemos, nada se descarta”, afirmou o congressista.

A tragédia chama atenção porque a diretoria de Sérgio Faustino Batista tem relação direta com o mais recente escândalo a envolver o banco.

Em reportagem publicada também pela coluna de Rodrigo Rangel, funcionárias da Caixa acusaram o então presidente da instituição, Pedro Guimarães, de assédio sexual. Guimarães caiu após a publicação das denúncias.

 

 

Mais lidas
Últimas notícias