Faça a receita do delicioso Bolinho de Feijoada da chef Kátia Barbosa

O petisco recebeu o título de Patrimônio Cultural Imaterial do Rio de Janeiro e pode ser uma aposta para um happy hour

atualizado 30/11/2021 12:47

Reprodução

Muito antes do prefeito Eduardo Paes reconhecer o Bolinho de Feijoada como Patrimônio Cultural Imaterial do Rio de Janeiro, Kátia Barbosa já o considerava assim. A chef é a responsável pela criação da receita que leva ingredientes clássicos de feijoada, como feijão preto, couve, carnes de porco e farinha. 

“O bacana de ter criado o bolinho de feijoada foi ter chamado atenção das pessoas para a cultura dos botequins cariocas. Que é uma cultura que se espalhou para o país”, enfatizou em entrevista ao Metrópoles em agosto deste ano

0

Ela criou o petisco há 10 anos por incentivo de amigos depois de provar um bolinho de feijão em Belo Horizonte que não atendeu suas expectativas. “Aí eu brinquei: vou para o Rio, vou fazer um bolinho de feijão do jeito que imagino e vou ficar famosa e rica.”

A receita foi trabalhada pela chef durante quatro meses, até ela ter segurança suficiente para apresentar ao público. “Quando a gente bota um prato na mesa, ninguém imagina a história que tem por trás. E essa história acho que é a mais incrível da minha vida”, contou na entrevista. 

Agora, o bolinho é oficialmente Patrimônio Cultural Imaterial do Rio de Janeiro. “A gastronomia manifesta a arte, a tradição e o conhecimento de um povo, estando diretamente ligada a sua identidade”, diz o texto que foi publicado em Diário Oficial e que enaltece a importância da iguaria. 

Aprenda agora a receita do Bolinho de Feijoada da chef Kátia Barbosa:

Ingredientes para a massa

– 2 litros de água
– 500 g de feijão-preto (deixe de molho em água)
– 100 g de carne-seca dessalgada em cubinhos
– 100 g de lombo dessalgado em cubinhos
– 100 g de costelinha dessalgada ou defumada
– 1 linguiça calabresa em cubos
– 1 paio em cubos
– 3 folhas de louro
– 2 colheres (sopa) de azeite de oliva
– 3 dentes de alho
– Sal
– 300g de farinha de mandioca (fina e sem ser torrada)
– 1 colher (sopa) de polvilho azedo
– Farinha própria para empanar
– Óleo para fritar

Ingredientes para o recheio

– 250 g de bacon em cubinhos
– 2 dentes de alho
– 2 maços de couve em tiras finas

Modo de preparo

Coloque a água, o feijão, as carnes e as folhas de louro na panela de pressão e leve ao fogo médio por 1 hora após começar a chiar. Libere a pressão para abrir a panela, espere amornar e triture tudo. Reserve.

Em uma panela grande, aqueça o azeite e doure o alho. Despeje a mistura batida e ajuste o sal. Enquanto mistura vigorosamente, adicione a farinha de mandioca aos poucos até incorporar (não precisa acrescentar toda a quantidade) e cozinhe até se soltar do fundo. Deixe esfriar.

Enquanto esfria, doure o bacon do recheio na própria gordura e refogue o alho. Acrescente a couve, ajuste o sal e retire do fogo. Deixe esfriar.

Volte à massa, incorpore o polvilho e trabalhe bem a massa para que fique homogênea e lisinha. Com pequenas porções da massa, molde bolinhas e amasse para ficar achatada. Abra na palma da mão e recheie. Feche bem e volte a enrolar em formato de bolinha.

Empane em farinha própria, frite em óleo bem quente, abundante, até dourar e deixe escorrer sobre papel absorvente. Sirva, se desejar, com torresmo, gomos de laranja e caipirinha ou batidinha de limão.

Mais lidas
Últimas notícias