Mulher move processo milionário por lesão corporal contra Conor McGregor

Caso aconteceu em 2018 e processo é movido em Dublin, na Irlanda. Lutador nega os fatos. Irlandês enfrenta Dustin Poirier no próximo sábado

atualizado 19/01/2021 22:25

No sábado (23/1), o irlandês Conor McGregor retornará ao octógono do UFC. O lutador enfrenta Dustin Poirier no UFC 257. Mas fora do cage, McGregor sempre acumulou polêmicas. Desta vez, uma mulher o acusa de agressão física e entrou com um processo multimilionário contra ele.

O processo é movido em Dublin, na Irlanda, e o caso de lesão corporal teria acontecido em 2018. Através de seu porta-voz, o irlandês negou as acusações.

“Depois de uma investigação exaustiva conduzida pela Gardai (força policial nacional civil da República da Irlanda) que, além de entrevistas com o reclamante, incluiu entrevistas com várias fontes, obtenção de depoimentos de testemunhas, exame de imagens em circuito fechado e a cooperação de Conor McGregor, essas alegações foram categoricamente rejeitadas”, garante Karen J. Kessler, ao “The Independent”.

McGregor tem uma extensa ficha de polêmicas fora do octógono. O lutador já foi acusado de agredir um homem em um pub na Irlanda, de assédio sexual e de depredar um ônibus do UFC em um media day.

Vídeos
Últimas notícias