Vasco decide rescindir contrato de Guarín: “Chegamos no limite”

Jogador pediu liberação do clube duas vezes, mas não resolveu os problemas pessoais

atualizado 05/08/2020 16:23

Vasco/Divulgação

A passagem de Fredy Guarín pelo Vasco pode ter fim ainda nesta quarta-feira (5/8). Segundo declarações de Alexandre Campello, presidente do clube, para o Globoesporte.com, o dirigente está trabalhando na rescisão contratual do volante colombiano.

“Vamos partir para a rescisão. Posso te dizer que estamos negociando, Guarín não conseguiu resolver os problemas pessoais dele”, afirmou.

O dirigente revelou que já liberou o meia duas vezes para ir à Colômbia resolver tais problemas. No entanto, poucos dias antes do início do Campeonato Brasileiro, a situação permanece inalterada.

“Esperamos até onde entendemos que é possível, respeitando o problema do jogador, entendendo a importância dele e nossa vontade de contar com ele, mas chegou no limite. O clube tem sido parceiro do jogador. A gente tentou, deu todas as chances para que pudesse resolver, mas não foi possível”, concluiu.

Guarín chegou ao Vasco em outubro do ano passado. Ele atuou em 12 partidas e marcou três vezes pelo clube.

Vídeos
Últimas notícias