Sob nova direção, Chelsea leva empate do Wolverhampton no último lance

O clube passa a pertencer ao consórcio liderado pelo empresário americano Todd Boehly em uma negociação de 4,25 bilhões de libras

atualizado 07/05/2022 13:41

Chelsea leva empate do WolverhamptonEddie Keogh/Getty Images
A nova era em Stamford Bridge começou com um empate amargo diante do Wolverhampton. Com gols no segundo tempo em Londres, o Chelsea abriu 2 x 0 pela 36ª rodada da Premier League, mas sofreu o empate por 2 x 2 no “apagar das luzes”. O time de Thomas Tuchel chega a três jogos sem vencer no campeonato (dois empates e uma derrota) e pode ter a 3ª posição ameaçada nas rodadas finais.

Na noite da última sexta-feira (6/5), o Chelsea confirmou sua tão esperada venda. O clube passa a pertencer ao consórcio liderado pelo empresário americano Todd Boehly em uma negociação de 4,25 bilhões de libras, cerca de R$ 26,6 bilhões. Todd esteve presente em Stamford Bridge para assistir ao jogo deste sábado. Agora a venda depende do aval do governo britânico, que congelou as contas do clube por pertencer a Roman Abramovich, oligarca russo. A expectativa é que a venda seja concretizada até o fim de maio.

Dentro de campo, o empate por 2 x 2 neste sábado (7/5) deixa o Chelsea com 67 pontos somados, na terceira posição, quatro a mais que o Arsenal, quarto e que ainda joga na rodada. Já o Wolverhampton figura em oitavo, com 50 pontos, e chega a quatro jogos sem vencer.

O Chelsea veio a campo com a novidade de Lukaku na escalação, jogando ao lado de Timo Werner. Na primeira finalização de perigo do jogo, Timo Werner finalizou cruzado para bela defesa do português José Sá. O Wolverhampton conseguia bons espaços, contando com a velocidade de seu ataque. Jonny Otto recebeu bom passe na área, mas Azpilicueta chegou antes para cortar.

Aos 37 minutos, o Chelsea chegou a marcar após cobrança de escanteio, mas o gol foi anulado posteriormente pelo VAR por impedimento. O time visitante também criava ótimas chances. Nos acréscimos, Pedro Neto obrigou Mendy a fazer boa defesa e Dendoncker isolou no rebote. Também nos acréscimos, Lukaku obrigou José Sá a fazer boa defesa. Em contra-ataque, o Wolverhampton chegou bem com Nouri, que bateu por cima.

Antes do relógio bater um minuto no segundo tempo, o Chelsea quase marcou com um chute de primeira feito por Werner, mas Sá fez nova defesa. Após o Wolverhampton cometer pênalti na entrada da área, o Chelsea finalmente abriu o placar. Lukaku deslocou o goleiro e fez 1 x 0 aos 10 minutos.

O gol de pênalti abriu a porteira para Lukaku, que marcou novamente dois minutos mais tarde. Após saída errada do Wolverhampton, Lukaku recebeu e bateu de fora da área para fazer 2 x 0. O belga desencantou, já que não marcava desde dezembro.

O Chelsea teve uns minutos de tranquilidade, mas passou aperto no fim da partida. Aos 34 minutos, Trincão, que havia acabado de entrar, trouxe para a perna esquerda e acertou um lindo chute para diminuir para 2 x 1 e recolocar o Wolverhampton na partida. Seis minutos depois, Trincão quase empatou, após recebeu na área, fazer a finta em Thiago Silva e finalizar para fora.

No lance seguinte foi a vez de Raúl Jiménez levar perigo ao gol do Chelsea. O atacante bateu de primeira da entrada da área e a bola passou muito perto. A reação que começava a se desenhar para o time visitante foi confirmada no último lance da partida, aos sete minutos dos acréscimos. O time se lançou para a área, Chiquinho fez levantamento para Conor Coady chegar cabeceando e deixar tudo igual 2 x 2.

Outros jogos

Ainda na manhã deste sábado, o Aston Villa reencontrou o bom futebol para vencer o Burnley por 3 x 1. O time de Philippe Coutinho e Douglas Luiz está em 11º, com 43 pontos. Já o Burnley, que vinha de três vitórias seguidas, segue ameaçado pelo rebaixamento, em 16º, com 34 pontos, dois a mais que o Everton, primeiro na zona de rebaixamento.

Jogando no estádio Turf Moor, o Aston Villa abriu o placar aos 7 minutos com Danny Ings, após ótima assistência de Buendía. Aos 31, após ótima troca de passes, Buendía apareceu na área para finalizar e fazer 2 x 0. Watkins ampliou para 3 a 0 no início do segundo tempo. Cornet fez o gol de honra e diminuiu para 3 x 1 já nos acréscimos.

Com gols de Jansson, Wissa e Ajer, o Brentford recebeu o Southampton em Londres e venceu por 3 x 0. O time chega a 43 pontos, na 12ª posição, enquanto o Southampton tem 40 pontos e está em 15º. Já o Crystal Palace venceu o Watford por 1 x 0 e chegou aos 44 pontos, na nona posição. A derrota confirma matematicamente o já esperado rebaixamento do Watford, que é o 19º, com apenas 22 pontos. O time se junta ao Norwich, que caiu na última rodada.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesesportes

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias