Ronaldinho perde futevôlei na prisão para ladrão e assassino

Inglês The Sun conta que brasileiro chegou a vencer uma das partidas, mas perdeu outra para ex-policiais que cumprem pena no mesmo local

Ronaldinho Gaúcho joga futevôlei na cadeiaReprodução/Twitter

atualizado 31/03/2020 11:05

O site inglês The Sun deu detalhes do futevôlei jogado por Ronaldinho Gaúcho na prisão no Paraguai. Detido por usar documentos falsos, o brasileiro tem usado o esporte para ajudar a passar o tempo. Segundo a publicação europeia, ele foi derrotado por ex-policiais presos por roubo e homicídio.

O The Sun diz ainda que a primeira partida disputada pelo brasileiro foi vencida por ele e um funcionário da prisão. Na segunda, porém, eles foram superados pelos ex-policiais, identificados como Edgar Ramirez Otazu e Yoni David Mereles Martínez.

Ainda de acordo com o site britânico, o primeiro cumpre pena de 18 anos por assassinato. Segundo o portal, ele matou um homem com um tiro na cabeça após um festival de música.

Martínez, por sua vez, foi sentenciado a dez anos, após participar do roubo de uma van. De acordo com o site, ele e outros policiais corruptos levaram dinheiro do motorista.

Não é a primeira vez que Ronaldinho é visto praticando atividades físicas na prisão onde está, em Assunção. Antes, ele participou de um campeonato de futebol entre internos, conquistando o título da competição.

Vídeos
Últimas notícias