Renato entrega o cargo, mas diretoria do Flamengo mantém treinador

Após derrota por 3 x 0 e eliminação na Copa do Brasil para o Athletico-PR, Portaluppi assumiu a responsabilidade do resultado

atualizado 28/10/2021 10:40

Renato PortaluppiBuda Mendes/Getty Images

O técnico Renato Portaluppi, do Flamengo, entregou o cargo para a diretoria após a derrota e eliminação na Copa do Brasil para o Athletico-PR. Segundo informação divulgada pelo portal Globo Esporte, Renato deixou o cargo à disposição ainda nos vestiários do Maracanã, mas foi convencido de que seguirá no cargo por Marcos Braz e Bruno Spindel, cartolas do Rubro-negro.

De acordo com a publicação, Renato se reuniu com Braz e Spindel, responsáveis pelo futebol do Fla, e disse que deixava nas mãos dos dirigentes sua continuidade à frente da equipe. Os gestores teriam dito ao treinador que ele seguirá no cargo. Portaluppi assumiu a responsabilidade sobre a eliminação na Copa do Brasil e os recentes resultados no Campeonato Brasileiro.

 

Os dirigentes teriam dito aos jogadores que somente quem estava lá seria capaz de mudar a atual situação da equipe, além de reiterar o apoio ao treinador.

O trabalho de Renato, ainda segundo a matéria, passou a ser questionado dentro da Gávea. A grande quantidade de trabalhos coletivos e a ausência de treinos táticos, somados aos maus resultados recentes estariam pressionando o técnico.

Durante a partida desta quarta, a torcida Rubro-negra xingou Portaluppi e fez referências à Jorge Jesus.

O Flamengo é finalista da Libertadores e é 4º colocado no Campeonato Brasileiro com 46 pontos. No sábado (30/11), o Rubro-negro recebe o líder Atlético-MG no Maracanã pela 29ª rodada do Brasileiro.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias