metropoles.com

Preparador de goleiros da Ucrânia pode ir a campo contra a França

O surto de Covid-19 atingiu três jogadores da posição e o ex-atleta de 41 anos foi relacionado para o amistoso desta quarta-feira

atualizado

Compartilhar notícia

Tom Shaw/Getty Images
Oleksandr Shovkovski, goleiro da Ucrânia
1 de 1 Oleksandr Shovkovski, goleiro da Ucrânia - Foto: Tom Shaw/Getty Images

A Seleção da Ucrânia terá um “intruso” à disposição no banco de reservas nesta quarta-feira (7/10), em amistoso contra a França. Isso ocorre porque três goleiros convocados testaram positivo para o novo coronavírus e o preparador, Oleksandr Shovkovski, teve que ser relacionado para a partida.

Shovkovski está com 41 anos atualmente e se aposentou dos gramados em 2016. Apesar dos anos afastado, ele afirma estar em boa forma, embora reconheça que não deve ir a campo.

“Isso me parece um pouco sensacionalista. Mas a situação poderia ser ridícula se não fosse tão complicada para a nossa seleção. Foi decidido me incluir na lista de relacionados para o jogo contra a França. Tenho certeza que o Georgy Bushchan (técnico) não vai me colocar em nenhuma roubada”, disse o preparador de goleiros.

O único goleiro condições de atuar no amistoso diante da França é Georgi Bouchtchane, do Dínamo de Kiev. Andreï Lounin (Real Madrid), Youri Pankiv (Oleksandria) e Andreï Piatov (Shakhtar Donetsk) estão com Covid-19.

A partida entre as duas seleções europeias será a partir das 15h45 (horário de Brasília), em Paris.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comEsportes

Você quer ficar por dentro das notícias de esportes e receber notificações em tempo real?